Cada vez mais caminhoneiros autônomos, entram em cooperativas

Ministério da Cidadania diz que investirá R$ 18 milhões no fornecimento de infraestrutura básica em cooperativas

Caminhoneiros autônomos no Brasil estão entrando para cooperativas, e deixando de ser “autônomo”, tudo isso pela defasagem no valor do frete. Caminhoneiro autônomo no Brasil enfrenta, uma concorrência com grandes transportadoras. Dessa maneira, pouca carga, frete em um valor baixo, diesel em alta.

Tabela de frete que não resolve nada, e surpreendentemente carreteiros desconfiam que a categoria de autônomos estar arriscada a se extinguir. O cenário para o autônomo nunca foi tão obscuro, contudo, a ideia de cooperativas foi nascendo e hoje vem crescendo bastante.

Com o cooperativismo é possível eliminar o atravessador do transporte, dessa maneira, permitindo que o embarcador entre em contato direto com o autônomo. Acima de tudo o governo estar lançando diversos programa e estimulando as cooperativas de caminhoneiros.

Assim como, o projeto que será direcionado e com investimento de R$ 18 milhões, para oferecer infraestrutura, capacitação e assessoria técnica às cooperativas. Entre eles o programa pretende instalar cerca de 100 kits, com infraestrutura completa as cooperativas.

Com a finalidade de que o custo do caminhoneiro autônomo caia, dentro de cooperativas vai permitir um número maior e em mais quantidades de aquisições.

BRASIL DO TRECHO