Câmara do Chile convoca plebiscito para nova Constituição

A Câmara dos Deputados do Chile anunciou, nesta segunda-feira (11), a aprovação da convocação de um plebiscito para criar uma nova Constituição em 90 dias.

Os parlamentares também convocaram um segundo plebiscito para ratificação do documento.

De acordo com o deputado Matías Walker Prieto, da região de Coquimbo, a decisão foi tomada após um debate de uma comissão que durou 10 horas, registra o portal G1.

No último domingo, 10 de novembro, após uma reunião na casa do presidente Sebastián Piñera com líderes políticos, o ministro do Interior, Gonzalo Blumel, confirmou o início do processo de alteração da Constituição.

“Acordamos iniciar o caminho para avançar para uma nova Constituição. Entendemos que é um trabalho que temos que fazer pensando no país”, disse Blumel, como noticiou a RENOVA.

RENOVA MÍDIA