PGR sugere cassação do mandato da senadora Selma Arruda

RENOVA MÍDIA

TRE-MT cassou mandato por caixa 2, e Arruda nega irregularidades e recorreu.

 

A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, se manifestou favoravelmente à cassação do mandato da senadora Selma Arruda (PSL-MT).

A PGR enviou, nesta terça-feira (10), um parecer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Em abril deste ano, o Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE-MT) cassou o mandato da senadora por caixa 2 e abuso de poder econômico.

Arruda recorreu, e o TRE decidiu manter a cassação. A senadora nega as acusações e recorreu ao TSE.

No documento enviado ao Tribunal Superior Eleitoral, Dodge defendeu a manutenção da decisão do TRE-MT e pediu a realização de novas eleições para o cargo de senador do estado de Mato Grosso, informa o site G1.

RENOVA MÍDIA