“Vai morrer todo mundo”, grita PM durante massacre em Paraisópolis

Em mais vídeo divulgada sobre a ação criminosa de PMs na favela de Paraisópolis, zona sul de São Paulo, um militar grita “vai morrer todo mundo”, enquanto outro bate com uma barra de ferro nos jovens

247 – O jornalista André Caramante divulgou na madrugada desta quarta-feira (4) mais vídeos sobre a ação criminosa da Polícia Militar de São Paulo na favela de Paraisópolis, zona sul de São Paulo, que resultou no assassinato de 9 jovens no último domingo (1).

“Vai morrer. Vai morrer todo mundo”, gritam os policiais na saída de uma das vielas.

Outro policial agride violentamente com uma barra de ferro os jovens que saem correndo do local.

O procurador-geral de Justiça de São Paulo, Gianpaolo Smanio, informou na segunda-feira (2) durante encontro com parlamentares e com entidades que designou uma promotora do júri para acompanhar a investigação sobre o crime. De acordo com deputados, a iniciativa mostra que o caso será tratado como investigação de homicídio.

André Caramante

@andrecaramante

Governador @jdoriajr ,mais imagens sobre a atuação dos 38 policiais militares em Paraisópolis, na madrugada de 1/12, e que resultou na morte de nove jovens. A palavra é sua, senhor Doria! #paraisopolis #paraisópolis #bailedadz7 #bailedadz7paraisopolis

247 BRASIL