Bolsonaro diz que deve retirar projeto que altera Código de Trânsito

O presidente Jair Bolsonaro em live no Facebook ao lado de uma intérprete de libras

Apresentará textos separados

Muda limite de pontos da CNH

E também prazo para renovação

SABRINA FREIRE
O presidente Jair Bolsonaro disse nesta 5ª feira (9.jan.2020) que deve retirar do Congresso o Projeto de Lei 3267/19 que propõe mudanças no CTB (Código de Trânsito Brasileiro) devido à resistência dos congressistas com as propostas e a dificuldade da tramitação do texto. Apresentado em 4 de junho de 2019, o projeto ainda está sendo analisado em comissão especial.

Bolsonaro disse que tem conversado com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que defende uma nova proposta do Executivo.

O presidente disse que vai apresentar 1 projeto para tratar da prorrogação da validade da CNH (Carteira Nacional de Habilitação) de 5 para 10 anos. E outro sobre a ampliação do limite de pontos de infração para suspensão da carteira (de 20 para 40).

“Tenho conversado com Rodrigo Maia, ele está simpático a isso. Ele também tem seus problemas na Câmara. Porque ele não é o comandante da Câmara, é o presidente. Então tem pressão em cima dele também. A ideia, se der tudo certo, é de que eu retire o projeto que eu apresentei sobre o Código Nacional de Trânsito e apresente individualmente 1 projeto só para tratar sobre a validade da carteira de motorista, [aumento] de 5 para 10 anos, e ponto final. E daí o Congresso decide se é favorável ou não”, disse em live no Facebook, ao lado de uma intérprete de libras.

PODER 360