Justiça Militar condena 42 PMs por ligação com tráfico do PCC

Os PMs foram sentenciados pelos crimes de organização criminosa, associação ao tráfico de drogas, corrupção passiva e falsidade ideológica

Justiça Militar de São Paulo condenou 42 dos 53 policiais militares denunciados pelo Ministério Público por favorecer ações do Primeiro Comando da Capital, o PCC. Os PMs foram sentenciados pelos crimes de organização criminosa, associação ao tráfico de drogas, corrupção passiva, falsidade ideológica e concussão em processo que durou nove meses e ouviu 151 pessoas.

Os militares foram presos em dezembro do ano passado no âmbito da Operação Ubirajara, que mirou policiais que supostamente achacavam e cobravam propinas para não prender traficantes do PCC pegos em flagrante.

À época, a Corregedoria da corporação afirmou que foi o maior número de PMs presos de uma só vez.